gemas-do-mundo-artstones

GEMAS

Uma gema é um mineral, rocha (como a lápis-lazúli) ou material petrificado que quando cortado e facetado ou polido é colecionável, ou pode ser usado em joalheria. Outros são orgânicos, como o âmbar (resina de árvore fossilizada) e o azeviche (uma forma de carvão). Algumas gemas geralmente consideradas preciosas e bonitas são demasiado macias ou frágeis para serem usadas em Joias (por exemplo, rodocrosita monocristalina), mas são exibidas nos museus e procuradas por colecionadores.

gemas

 

Características e classificação das Gemas

As gemas são descritas e diferenciadas por gemólogos através de diferentes especificações técnicas. Em primeiro lugar, do que é feito ou a sua composição química. Os diamantes, por exemplo, são constituídos por carbono (c), os rubis por óxido de alumínio (Al2O3). Dependendo da composição, muitas arestas são cristalinas que são classificados pelo sintoma cristalino por cúbico, trigonal ou monoclínico. Um outro termo usado é o hábito, a forma com que a gema é geralmente encontrada. Como exemplo, os diamantes cristalizam no sistema cúbico e são encontrados frequentemente na forma octaédrica.

As gemas são maleáveis em diferentes gangs, espécies e variedades. Por acaso, o rubi é a variedade vermelha do corindon enquanto que todas as outras cores de corindon são consideradas safiras . A esmeralda (verde), água-marinha (azul), bixbite (roxa), goshenite (azul claro), heliodoro (amarelo), e morganite (cor-de-rosa) são todas variedades da espécie mineral berilo.

As gemas caracterizam-se por: índice de refração, dispersão, peso específico, dureza, clivagem, modo de fratura e lustre. Podem exibir pleocroísmo de um determinado tipo e ainda luminescência e um espectro de absorção característico.

Certos materiais ou falhas numa gema podem estar presentes na forma de inclusões características . Uma gema pode ocorrer em determinados locais, chamados ocorrências. As gemas de diferentes localizações podem apresentar características próprias que podem ajudar na identificação.

gemas1

Valor

Uma gema é apreciada especialmente pela sua beleza ou grande perfeição, portanto, a aparência é quase sempre o atributo mais importante das gemas. As características que tornam uma gema bela ou desejável são a cor, fenômenos ópticos incomuns no interior da pedra, uma inclusão interessante tal como um fóssil, uma raridade e às vezes a própria forma do cristal natural. O diamante é uma gema altamente apreciada, pois é a substância mais dura conhecida e além disso reflecte a luz de uma maneira própria e apelativa quando facetado. No entanto, os diamantes estão longe de ser raros, sendo extraídos anualmente milhões de quilates.

Tradicionalmente, as gemas mais comuns eram classificadas em pedras preciosas e em pedras semi-preciosas; a primeira categoria foi determinada sobretudo por uma história de uso eclesiástico, devocional ou cerimonial e pela sua raridade. Somente cinco tipos de gemas foram consideradas preciosas: diamante, rubi, esmeralda, safira e ametista.

Hoje em dia, todas as gemas são consideradas preciosas, embora quatro das cinco gemas cardinais (excluindo a agora comum ametista) sejam geralmente, mas nem sempre, as mais valiosas

tratamentos-dados-as-gemas
Tratamentos dados às gemas

As gemas são muitas vezes tratadas para realçar a cor e a transparência. Dependendo do tipo e extensão do tratamento, estes podem afetar valor das gemas. Alguns tratamentos são muito usados e, na prática, aceitáveis enquanto outros não o são.

Calor
Quando aquecidos, os topázios branco e amarelo apresentam vários tons de rosa.

Radiação
99% das pedras de topázio Azul encontrado no mercado são pedras tratadas através de radiação. Trata-se de um tratamento estável e totalmente aceito pelo mercado visto que as pedras azuis de topázio apresentam na sua maioria uma grande quantidade de inclusões. Depois do tratamento o lote de pedras permanece por vezes um a três anos no laboratório que efetuou o tratamento esperando ate perder o nível de radiação e poder ser comercializado.

Ceras e óleos
As esmeraldas contêm fissuras naturais que por vezes são preenchidas com óleo de origem mineral ou resina tipo Opticon de forma a disfarçá-las. Este tipo de tratamento é bastante utilizado no comércio de esmeraldas. Já o tratamento com óleo ou resina com pigmentação verde é considerado uma falsificação. De qualquer forma depois de algum tempo e algumas agressões típicas do uso constante da joia, este material (óleo) tende a secar e as fissuras voltam a aparecer desvalorizando o material.

Revestimentos
Mais recentemente, algumas gemas são melhoradas através da utilização de um revestimento que altera a sua cor e aparência. Por exemplo, o topázio é por vezes tratado com uma camada de dióxido de titânio, que altera a cor do topázio para dourado com alguma iridescência. Este revestimento não é permanente e pode ser danificado.

zirconia-colorida

Gemas artificiais e sintéticas


Algumas gemas são manufaturadas para imitar outras gemas. Por exemplo, a zircônia cúbica é um substituto sintético do diamante. As imitações copiam a aparência e a cor da pedra real mas não possuem suas características químicas e físicas. Porém, as gemas sintéticas não são necessariamente imitações. Por exemplo, o diamante, o rubi, a safira e a esmeralda podem ser produzidos em laboratório, com características químicas e físicas idênticas às dos materiais naturais.

Os corindons (corindo) artificiais, incluindo o rubi e a safira, são muito comuns e custam somente uma fração das pedras naturais. Há muitos anos que se produzem em grande quantidade diamantes artificiais de pequeno tamanho para serem utilizados em abrasivos industriais. Apenas recentemente foram produzidos diamantes artificiais de maiores dimensões com qualidade de gema, especialmente variedades coloridas.

 Fontes:

Livro Pedras Preciosas – Cally Hall

Livro Gemas do Mundo – Walter Schumman

Respeite os direitos autorais  Lei 9610/98 – qualquer reproduções do conteúdo sem autorização do autor do blog sem as devidas menções/créditos e links serão equiparados ao crime de plágio.

Autor do Post: Suzana Perez/ArtStones

5 thoughts on “Gemas do Mundo – Características e Classificações

  1. SUSANA says:

    BOM DIA COMPREI UMA ARVORE DA FELICIDADE E GOSTARIA DE SABER SE TENHO DE LIMPAR E ENERGIGAR A ARVORE COMO SE FOSSE UM CRISTAL?

    aguardo resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.